Carros

Carros

Motul Racing Lab: o laboratório sobre rodas da Motul está presente em mais uma edição do mais desafiador campeonato off-road do mundo, o Rally Dakar

Motul
| Publicado em: 05/01/2021

Depois de um ano tão diferente e turbulento, 2021 iniciou com o pé direito para os apaixonados por esporte a motor. No último domingo, dia 3 de janeiro, foi dada a largada na maior e mais desafiadora prova off-road do mundo, o Rally Dakar. Até o dia 15 de janeiro, competidores de todas as partes do globo, enfrentarão os terrenos mais radicais onde, terminar a prova, já é uma vitória. Porém, mais do que isso. Dessa vez, aqueles que conseguiram aterrissar na Arábia Saudita, local onde ocorre o Rally do Dakar, já podem se considerar vitoriosos.

Por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus e com as novas medidas de lockdown, chegar até lá foi um grande desafio para os competidores e suas equipes.  As fronteiras foram fechadas, o que ocasionou fechamento de aeroportos e diminuição de voos, e a necessidade de realizar testes preventivos para adentrar à competição, acabaram dificultando o acesso de alguns participantes – alguns, nem ao menos conseguiram sair de seus países de origem. A organização do evento tem feito o possível para garantir a segurança de todos, seguindo os protocolos estabelecidos pelos órgãos de saúde, e para manter a prova completa, como planejado desde o início.

Independentemente dos obstáculos, a Motul não poderia ficar de fora dessa. Já são três anos como patrocinadora máster, fornecendo expertise e colocando nossos produtos à prova. O patrocínio envolve a presença da marca em todas as etapas e modalidades da competição, além do acompanhamento técnico do Motul Racing Lab, laboratório volante que percorrerá todo o circuito ao lado dos competidores durante as provas, prestando auxílio e colhendo dados para análise de desempenho de seus produtos.

Por isso, conversamos com o gerente técnico da Motul Brasil, Nicolás Demaría, que, pelo 5º ano consecutivo, acompanha a competição de perto e faz parte do time responsável pelo Motul Racing Lab, para saber um pouco mais sobre a atuação dos técnicos durante o evento e sobre o laboratório sobre rodas.

O que é o Motul Racing Lab?

O Motul Racing Lab é um laboratório sobre rodas de última geração capaz de analisar o lubrificante que corre nos motores dos competidores. Com nossos equipamentos, podemos analisar não somente o óleo do motor, mas todos os lubrificantes utilizados nas máquinas, como óleo de transmissão, fluidos hidráulicos e até mesmo alguns combustíveis.

O serviço é gratuito e é oferecido a todos os competidores que tiverem interesse, não apenas para as equipes apoiadas pela Motul.

Quais os benefícios de realizar a testagem do óleo durante a competição?

Para os competidores, essa ação permite que eles não tenham surpresas entre uma etapa e outra e possam organizar seus cronogramas de manutenção, como reposição de peças e troca de óleo, de forma mais assertiva e eficiente. Além de poderem atestar a qualidade e performance dos lubrificantes utilizados em suas máquinas.

Já para nós da Motul, é fundamental comprovarmos o desempenho de nossos lubrificantes. Como sempre dizemos, as pistas são o laboratório da Motul e fazemos questão de colocar nossos produtos à prova nas situações mais extremas. Isso é fundamental para sabermos se é necessário realizar alterações, se o produto se comporta como o esperado etc.

Além disso, como alguns concorrentes trazem amostras de outros óleos para o nosso laboratório, podemos verificar o desempenho dessas marcas e acompanhar nossa posição no mercado quando o assunto é confiabilidade e performance.

Quais informações são possíveis obter por meio dessas análises e o que é possível verificar?

Dentre diversas informações que são possíveis obter com nossas análises, destacarei três que são fundamentais para um bom desempenho durante a prova:

• Presença de elementos metálicos no lubrificante que possam indicar desgaste prematuro ou acelerado do conjunto e, assim, saber se é necessário substituir algum componente;

• Composição do lubrificante em uso para verificar a existência de vazamentos de refrigerante ou diluição com combustível, que possam danificar o motor e limitar seu desempenho;

• Evolução diária desses fatores para acompanhar o envelhecimento e a degradação do lubrificante devido às condições extremas de uso e validar os intervalos de troca ideais, combinados com as equipes.

Uma competição como essa é ainda mais desafiadora para os motores das máquinas dos competidores?

Sem dúvida alguma. Após o Dakar, todos os motores precisarão de uma reconstrução completa após estarem sob estresse por tanto tempo. E, além disso, há a areia e a poeira que, podem ser letais para o motor, mesmo que os veículos estejam equipados com filtros de ar. A chance de sobrarem resquícios desses componentes é enorme e precisam ser verificados com atenção. Aqui, entra mais uma vez a importância do Motul Racing Lab, que pode ajudar as equipes nesses diagnósticos e a entenderem melhor seus veículos.

  • COMPARTILHE ESTA PUBLICAÇÃO